Automação Residencial

Internet Das Coisas (IoT)

Você sabe o que é automação residencial? Já pensou em ter sua casa inteligente?

Poucas pessoas sabem, mas a internet das coisas, ou mais conhecida como IoT já é uma realidade na vida de muitas pessoas e está presente em muitas residências.

Essa evolução na automatização e domótica das coisas já estão causando um grande impacto na realidade das pessoas.

Não podemos negar nos últimos dez anos a tecnologia alinhada com a internet mudou completamente o modo como vivemos e como enxergamos o mundo.

É por meio desse enorme avanço na tecnologia que nos dias de hoje podemos tornar nossa casa inteligente.

Hoje em dia os objetos eletrônicos não são somente simples eletrodomésticos.

Os eletroeletrônicos já são fabricados para interagir com a sua rede wireless da sua casa.

Mais popularmente conhecido como Wifi, são cada vez mais práticos e funcionais e principalmente permitem interagir com outros eletroeletrônicos.

É justamente essa interação na automação residencial que permite que quase todos os equipamentos eletrônicos da sua casa interajam entre si.

Desssa forma Facilita sua vida e torna obsoletas diversas tarefas cansativas que nos dias de hoje são totalmente desnecessárias.

Desnecessárias por que temos diversos equipamentos de automação residencial para nos auxiliar nessas tarefas.

Por que não usá-los?

Automação Via Smartphones e Tablets

Não é mais um mero sonho de termos nossa tão sonhada casa do futuro. Isso nos dias de hoje é possível e está mais perto de você do que você imagina.

Um exemplo clássico de um equipamento de automação residencial que já é uma realidade e já existe dentro de todas as casas são os tão famosos smartphones e tablets.

Com o uso de aplicativos que você instala no seu celular você mesmo pode controlar diversos equipamentos da sua casa.

Você pode controlar sua televisão smart, seu AppleTV, as salas multiroom da sua casa e o que mais desejar

Qualquer outro dispositivo que esteja conectado na sua rede wireless que tenha aplicativo próprio pode ser sincronizado.

Está vendo? Você já automatiza muita coisa em sua casa, mas nem se dava conta disso. Agora você já sabe o que é automação residencial.

Claro que muitos desses equipamentos precisam de algum tipo de setup para que esse controle seja permitido.

Além disso o bom funcionamento desses dispositivos demanda uma boa estrutura de rede, para que os aparelhos estejam sempre prontos para se comunicar e receber comandos.

Automação Residencial. Sua Casa Inteligente.

Controlar diversos dispositivos não é mais novidade.

Isso inclusive já é muito comum.

Porém, isso não é automatizar uma casa.

Quando se realiza um projeto completo de automação residencial, além de dispositivos da internet das coisas, você consegue controlar equipamentos que não tem essas funcionalidades.

Equipamentos como cortinas, iluminação, portões, etc. E tudo isso, de forma organizada e simples de entender e usar.

A Avantime Automação vende produtos de automação da Lutron, que é uma grande marca quando o assunto é iluminacao e cortinas.

Um sistema de automação residencial, além de controlar dispositivos por si só, executas várias tarefas a um único toque.

Por exemplo, uma cena “filme”, dimeriza a luz da sala, liga a TV e todos os equipamentos do seu home theater.

Você também fecha as cortinas (somente se for durante o dia) e liga o ar condicionado na temperatura desejada.

Economia é outra coisa que acontece.

Com um único toque você desliga tudo que estiver programado, evitando esquecer luzes ou o ar condicionado ligado.

É possível ainda que, sejam executadas tarefas de forma automáticas, como o abrir de persianas para entrar mais claridade em um momento eu que o Sol não bata diretamente no ambiente.

Existem várias aplicações e equipamentos para automação residencial.

Você pode abrir e fechar as cortinas e portas de sua casa, fazer o controle de iluminação, fazer interações com seu sistema de segurança, comandar o sistema de home theater e áudio de todos os cômodos, ligar e desligar o ar condicionado e muito mais!

Uma outra alternativa para automatizar sua casa é utilizar arduino, e com ele você mesmo cria seu sistema de automação usando uma plataforma aberta que possibilita juntar hardware com software.

Tudo isso do conforto de um controle ou painel touch screen de automação, do seu tablet ou smartphone, estando em casa ou a distância, através do 4G.

Se você ainda sim não quiser investir na contratação de uma empresa para automatização da sua casa você mesmo pode aprender e fazer os testes na sua casa.

a propósito, a Avantime também vende produtos da Crestron Automação, que é uma marca fortemente conhecida devido a grande quantidade de aplicações na automação da sua casa.

Tendências da Automação Residencial para 2019

Iluminação

A tendência é controlar tudo por aplicativos diretos no nosso celular onde quer que possamos estar.

Dentro desse controle poderemos ligar e desligar, controlar intensidade, programar horários para ligar e desligar automaticamente, executar e acionar cenas, estando em casa ou não.

Controle de Acesso

A automação da sua casa inteligente também controla todas as fechaduras de acesso ou de segurança de sua residência.

É possível saber quem entrou, que horas e inclusive receber notificações quando isso acontece.

Vamos supor que você receba na sua casa uma visita que toca sua campainha, mas você não sabe quem é.

Você pega o celular, olha pela câmera e vê que é seu convidado.

Você não precisar ir até a porta para abrir.

Basta acionar o sistema para que o mesmo abra a fechadura do seu celular dando apenas um toque na tela do seu smartphone. Estando em casa ou não.

Outro fator interessante de equipamentos de automação residencial para controle de acesso é poder controlar também seu portão na hora que você chegar a casa para guardar o carro. Alguns sistemas, por geolocalização já podem abrir o portão quando você se aproxima de casa automaticamente. Legal né?

Automação Residencial por Comando de Voz

E que tal poder controlar toda sua casa apenas falando um determinado comando sem nem precisar pegar seu celular no bolso?

Sim! Isso nos dias de hoje também é uma realidade e é possível.

São as famosas assistentes virtuais como Google Home ou Amazon Echo, por exemplo.

Você apenas sincroniza seus equipamentos eletrônicos que deseja controlar com sua assistente virtual e diz para ela o que fazer.

Simples assim.

Telas Multiuso

Que tal usar seu espelho da sala de jantar como televisão enquanto você faz sua refeição?

Sim é isso mesmo. Você pode ter um grande espelho na sua sala principal e ter uma televisão atrás do espelho que só liga quando você for assistir.

Imaginem o luxo e status de receber visitas na sua casa e as pessoas ficarem procurando sua televisão.

E você responder que está dentro do espelho que decora sua sala principal?

Ai quando você liga todos ficam boquiabertos com o luxo alinhado com a tecnologia da sua casa.

É exatamente essa a função da automação residencial.

Alinhar luxo na decoração junto com tecnologia para que o luxo chame atenção e a tecnologia apenas seja um mero detalhe.

Quer aprender mais sobre automação? Veja esse link ou esse outro aqui, que com certeza poderá te ajudar!

Sua casa do futuro está aqui na Avantime! Não perca mais tempo e entre já em contato!

Vamos Mudar Seu estilo de vida?

Venha conhecer nosso showroom! Está cheio de inovações e novidades ao vivo e a cores para você se sentir dentro da sua nova casa!

Mas se preferir entre em contato agora mesmo com nossa equipe técnica e agende uma visita para orçamento sem compromisso!

Conheça as maravilhas que a tecnologia pode fazer na sua vida e mude totalmente seu modo de fazer as coisas.

Solicite um contato Agora!
Mais

Automação Residencial Com Arduino

Até agora somente falamos de sistemas de automação que controlam funções simples como ligar e apagar luzes, abrir e trancas portas, ligar e desligar o sistema de segurança, etc...

E se dissemos que podemos ter nosso próprio sistema de automação residencial e criar quantas e quaisquer funções que desejarmos sem ficar dependendo do suporte do nosso prestador de serviços ou da empresa que montou todo sistema?

E quando der algum problema de funcionamento no sistema? Que tal não ficar dependendo de técnicos de manutenção e outros serviços pagos que custam caro e muitas vezes não fazemos ideia do que está sendo consertado, e com certeza em um futuro próximo outros dispositivos podem dar problema.

Mas e se quando desse problema você soubesse exatamente onde está esse problema e você mesmo pode resolver sem maiores complicações apenas trocando uma placa eletrônica e reinstalando um sistema padrão de software de fácil utilização?

Sim meus amigos, com arduino isso tudo é possível. Você mesmo cria seu sistema de automação usando uma plataforma aberta que possibilita juntar hardware com software.

O que é um Arduino?

O arduino funciona exatamente como um computador, mas assim como qualquer computador ele precisa de um programa para poder funcionar.

A linguagem utilizada para programar o arduino é muito semelhante a linguagem C++ que é utilizada para programar computadores.

O C++ é uma linguagem extremamente poderosa e cheia de possibilidades graças a suas múltiplas aplicações e na bem real verdade todos que trabalham com computadores deveriam saber.

O C++ é uma linguagem muito moderna e bem semelhante ao JAVA, PHP, HMTL, CSHARP e outras linguagens de programação. Aprender arduino é uma das melhores formas de aprender a lógica da programaçã.

Isso por que se você entender como funciona a lógica você vai aprender com muita facilidade qualquer linguagem de programação.

Arduino é uma placa de controle de entrada de dados que uma vez conectada a um celular, computador ou tablet pode controlar qualquer sistema de automação que você desenvolver.

A única coisa que atrapalha um pouco é você tem por obrigação ter ao menos um noção de programação na hora de mexer nos códigos para configurar seus dispositivos.

Sem essa noção por mais que você pegue o código pronto no site do arduino ainda você irá montar uma coisa que não vai saber consertar se der algum problema.

O ideal é aprender a linguagem de programação C++  em qualquer curso gratuito você pode encontrar facilmente no Youtube ou no Google.

O arduino é um dispositivo formado principalmente por 2 componentes básicos: a placa arduino, que é o elemento de hardware utilizado para construir seus objetos e a IDE (Integrated Development Environment) do arduino, que é um programa executado no computador por onde escrevemos o código (chamado de sketch) e que fará o upload para a placa arduino.

O arduino é um pequeno computador capaz de processar informações de dispositivos e componentes externos conectados a ele através das suas entradas e saídas de acordo com o que programamos.

Também conhecemos o arduino como plataforma de computação física ou embarcada, isto é, um dispositivo de hardware com um sistema de software interagindo com o ambiente.

Existem diversas placas de arduino e todas utilizam a mesma linguagem para ser programada, mas a versão UNO é a mais utilizada disparadamente.

A maioria usa as mesmas conexões com o ambiente externo, o que permite usar qualquer modelo facilmente.

Tanto o software, como o hardware do arduino são de fonte aberta a qualquer pessoa, isso quer dizer que tanto os códigos como os esquemas e também os projetos podem ser usados livremente por qualquer um e para qualquer propósito.

Arduino: Como Funciona e especificações técnicas

Hardware

O hardware do Arduino é composto basicamente por:

  • Fonte de Alimentação: É responsável por receber energia externa, converte e regula a entrada em duas tensões.
  • CPU: Um microcomputador poderoso, responsável por dar “vida” à placa.
  • Entradas e Saídas: São embutidos na placa e server para conectar outros sensores.
  • Pinos: Alguns pinos possuem hardware embutido para funções especiais.
  • Firmware: O Programa que carregamos na CPU do Arduino com as instruções de funcionamento da placa.
  • Software

    O Software do Arduino é um compilador gcc que usa a linguagem C e C++, foi baseado em Wiring(plataforma de prototipagem eletrônica de hardware livre) e possuí uma interface gráfica feita em Java, isso tudo forma a IDE Arduino.

    Cursos de Automação Residencial

    Então você se interessou pelo assunto? Quer tal fazer um curso de automação residencial com arduino e desenvolver seu próprio sistema de automação?

    Não vou negar. Não vai ser fácil aprender a programar e aprender noções básicas de elétrica, hardware e mexer também com placas eletrônicas.

    No final das contas você vai poder automatizar toda sua casa VOCÊ MESMO, sem pagar empresa nenhuma para fazer isso.

    Hoje em dia você pode encontrar diversos cursos e tutoriais sobre o assunto e pode aprender tudo sem gastar um real e nem sair de casa.

    Se você já quer se enturmar e der uma olhada no que vem pela frente acesse o site e instale no seu PC o software do arduino, afinal você vai precisar desse programa para desenvolver suas aplicações independentes do tipo de sistema que for criar.

    Dos cursos gratuitos que recomendamos são do site suporteninja.com. Confira!

    Para começar é necessário uma placa Arduíno, sensores e atuadores. Uma vez que o Arduíno pode ser ligado por USB a um computador, basta, utilizar o software Arduíno IDE de modo a poder criar códigos de carrega-los diretamente na placa .

    Download e Instalação do software Arduíno IDE

    1- Ir para https://www.arduino.cc/ para descarregar a última versão do software Arduino (link direto: , seleccione o seu sistema operativo, neste caso, será o Windows);

    2- Guardar o arquivo *.ZIP no desktop;

    3- Criar uma pasta chamada "Arduino" na pasta "Programas" do disco local.

    4- Extraia o conteúdo da pasta *.ZIP para a pasta "Arduino";

    A interface Arduino é bastante simples. Quando se executa o software, na primeira janela, é mostrado um editor de texto em branco.

    Os Projetos Arduino são chamados "sketches" e quando se começar um novo projeto, são criados diversos ficheiros, alguns dos quais são livrarias e dependências necessárias ao projeto.

    Agora se você é daqueles que prefere um professor ensinando tudo ou não tem uma boa disciplina para aprender sozinho você pode fazer esse curso de automação do SENAI que é bem completo e possui certificação e tudo mais que você precisar.

    O que é Automação Residencial

    Automação residencial nada mais é do que estabelecer funções automatizadas com o uso da tecnologia para tornar nossos afazeres habituais mais fáceis de serem feitos. Convenhamos não é mesmo?

    Hoje me dia vivemos com a agenda cheia de coisa para fazer e fica difícil lembrar-se de cuidar da nossa própria casa, mas por que não deixar a sua casa cuidar de você ao invés de você cuidar dela?

    Essa é grande maravilha que a domótica e diversos outros sistemas de automação que existem no mercado nos dias de hoje podem fazer por você!

    Uma casa hoje não tem mais apenas a função de proteger o homem das intempéries do meio ambiente, ela deve ser capaz de se adaptar às diferentes necessidades que o indivíduo requer em sua contínua evolução.

    Quem poderia imaginar que a casa inteligente se tornaria uma realidade?

    Realidade essa que está virando quase uma necessidade. O que na década de 1960 se sonhava, a casa do futuro, hoje se torna completamente possível e natural.

    Um exemplo de que este assunto já fazia parte do imaginário das pessoas desta época é o desenho animado “Os Jetsons”.

    O desenho que ficou no ar, primeiramente, em 1962 e 1963 e depois retornou de 1984 a 1987, conta a história de uma família no futuro, onde a casa era toda automatizada, inclusive os empregados, que no caso era a robô Rose.

    No início do século XX o conceito de casa automatizada já era utilizado como um sonho de consumo ou um ideal para as donas de casa que gostariam de se verem livres das árduas tarefas domésticas.

    A automação residencial hoje já é uma realidade, mas, embora o mercado ofereça opções para diversos tipos de consumidores, disponibilizando desde opções mais simples, com preços acessíveis, até soluções mais sofisticadas, com custos mais elevados.

    Essa tecnologia ainda não possui grande disseminação e uso. Automatizar uma residência significa oferecer aos seus usuários maior conforto, segurança, bem-estar e ainda resulta em eficiência energética.

    A automação facilita diversos processos que quer queira quer não praticamente fazemos todos os dias.

    Ligar a televisão, acender as luzes da sala quando começar a escurecer, apagar algumas luzes quando o começar a amanhecer, ou até mesmo programar um temporizador de acordo com os horários que você deseja que determinado dispositivo ligue, permaneça ligado e em determinada hora desligue automaticamente.

    E a coisa ainda vai alem de um simples temporizador, hoje em dia vocês alem de programar o tempo você ainda pode o caso na iluminação determinar a intensidade da luz de acordo com a luminosidade do ambiente externo.

    A iluminação fica ligada, mas em baixa intensidade e vai aumentando a intensidade da luz conforme a luz do ambiente externo vai acabando e começa a escurecer.

    Tudo isso de forma automática! Sem você se preocupar de deixar seu cachorro ou seus filhos no escuro caso saia do trabalho e resolva tomar uma cervejinha com os amigos em um happy hour de última hora.

    Domótica

    Muito pode ser feito com a ajuda da tecnologia e da domótica e o mais interessante é que graças aos avanços da mobilidade e internet dos smatphones vamos poder controlar toda nossa casa onde quer que estejamos.

    Basta apenas ter um aplicativo do sistema instalado e acesso a internet móvel.

    Dessa forma ganharemos praticidade e tempo livre para nos dedicar a tarefas realmente importantes do nosso dia, sem falar no conforto de poder desligar ou ligar qualquer aparelho ou até mesmo um sistema de segurança não precisando estar em casa.

    Hoje em dia devido a tanta informação que temos que lidar e armazenar, acabamos por não priorizar as coisas simples e rotineiras, que se não forem feitas podem nos trazer uma enorme dor de cabeça mais tarde, certo?

    Mas se podemos programar diversos sistemas da nossa casa com alguns pequenos toques no nosso celular por que continuamos a fazer as mesmas coisas todos os dias de forma mecânica?

    Atividades domésticas como abrir as cortinas da casa em determinado horário, ou ligar a bomba da piscina e desligar depois de terminar a limpeza, ou até mesmo instalar sensores de presença para evitar gastos desnecessários de portas automáticas, torneiras de água e até sensores em diversos ambientes para desligar as luzes automaticamente se não houver ninguém usando.

    As pessoas ainda tem bastante receio de investir em um sistema de automação residencial para controlar suas casas por dois motivos.

    O primeiro é que implementar um sistema de automação não é uma coisa tão barata, alem de muitas vezes precisar quebrar alguma parede, piso ou fazer ajustes na estrutura da casa para adaptar o sistema integrado.

    E o segundo motivo é que as pessoas ainda tem certo receio de tanta tecnologia inteligente controlando seu sistema de segurança ou abrindo suas portas.

    Mas uma coisa interessante que as pessoas não sabem e também não aprofundam o assunto é que só o fato de vocês instalar sensores de presença nas luzes da casa você já consegue obter diversas preocupações a menos no decorrer do seu dia.

    Somente pelo fato de não se esquecer de ficar ligando e desligando as luzes de todos os cômodos da nossa casa.

    Estamos sempre com pressa de tudo e sempre esquecemos uma ou outra luz acesa durante horas, e nem precisamos dizer que essa luz que ficou acesa vai gastar energia desnecessária e aumentar os gastos de luz quando a conta mensal chegar.

    Na realidade essa parte de instalação de sensores não é propriamente considerada uma automação residencial.

    Com a automação residencial é quando você tem controle de um ou de diversos tipos de equipamentos ou eletrodomésticos a partir de um controle geral ou até mesmo seu celular.

    A função de um sensor é somente ligar e desligar determinado equipamento se não houver ninguém no ambiente.

    Ainda sim se você instalar apenas esses sensores você não vai gastar muito e só o fato de você não precisar ficar ligando e desligando as luzes da sua casa já vai aliviar bastante suas tarefas e deveres diários na sua casa.

    Você terá mais tempo livre para fazer o que realmente importa, sem falar que sua casa vai ganhar mais conforto e vai trazer muito mais bem estar para você e para suas visitas.

    Como dissemos para instalar um sistema de automação em uma residência já pronta será muitas vezes necessários quebrar algumas paredes, mudar o sistema de cabeamento de energia e fazer algumas outras adaptações para que o sistema funcione de forma correta.

    Devido a esse motivo muitas construtoras de grandes condomínios de prédios e casas estão cada vez mais colocando na planta do projeto sistemas de automação.

    Esses projetos visam controlar os gastos de energia elétrica, gás natural, sistema de iluminação, sistema de climatização e muitas outras aplicações.

    Esses sistemas de automação podem detectar um incêndio logo no inicio, ou detectar um vazamento de gás que pode acarretar em algum tipo de explosão.

    Podem também automatizar as portas e portões dos edifícios ou prédios onde o próprio usuário consegue abrir e fechar diretamente do seu celular sem perder tempo de ficar procurando onde está guardado o controle remoto que abre o portão do prédio.

    Outra grande aplicação que muitas construtoras estão fazendo é a instalação de fechaduras que abrem direto com a digital do usuário sem a necessidade de ficar procurando as chaves ou perdendo as chaves.

    Isso por que a grande maioria das pessoas tende a perder as chaves de casa quando saem para rua e grande parte dos condomínios arcava com esse custo de manutenção de portas.

    Já com a instalação desse sistema facilita bastante à vida do próprio morador e reduz o custo com despesas do condomínio.

    Mas toda essa automação não pode ser controlada apenas por um sistema.

    Temos que ter em mente que o controle de grande parte dos equipamentos facilita e torna muitos processos mais simples, porem a satisfação e controle final deve sempre partir do usuário que controla esse sistema e nunca deixar o sistema controlar tudo.

    Isso por que um sistema pode falhar também, o risco de acontecer essa falha é pequeno mas pode acontecer e nunca devemos deixar tudo sob o controle de uma inteligência artificial.

    Automação residencial não mais coisa do futuro! Que tal ter na palma da sua mão o controle simultâneo do seu sistema de segurança, wireless e outros eletronicos da sua casa? Aqui você pode!Podemos sim delegar e programar tarefas simples e rotineiras, mas nunca deixar o sistema ter controle de tudo.

    O que é Automação?

    Depois da Segunda Guerra Mundial, no final dos anos 60, o problema habitacional,é traduzido na exigência de um mínimo de qualidade nas residências com melhores condições de saneamento básico, higiene, iluminação e ventilação das instalações, entre outras.

    A partir dos anos 70, o conceito de residência é transformado e as condições do espaço são compreendidas como uma necessidade social.

    Sendo assim, em meados desta década, a qualidade arquitetônica do habitat desenvolve-se consideravelmente, transformando a relação da arquitetura com a cidade.

    Paralelamente, grandes esforços são dirigidos para os meios e condições de construção, sob o ponto de vista econômico e técnico.

    No início dos anos 80 surge a necessidade de reduzir o consumo energético, surgindo assim, equipamentos e sistemas com altodesempenho energético, que além de gerarem economia também oferecem mais conforto aos usuários.

    No final dos anos 70 que surgiram os primeiros sistemas de edifícios controlados eletronicamente – ventilação e condicionamento de ar.

    E apenas nos anos 80, nos EUA, é que surgiu o conceito de “smart building” ou edifício inteligente e a automação dos sistemas de segurança e iluminação.

    A autora define um edifício inteligente como “aquele que utiliza a tecnologia para diminuir os custos operacionais, eliminar os desperdícios e criar uma infraestrutura adequada para aumentar a produtividade dos usuários”.

    A automação residencial foi baseada na industrial, mas devido ao fato de que o custo de implantação inicialmente era muito elevado e a escala de produção reduzida.

    Primeiramente foi dada maior prioridade ao que traria retorno imediato -a indústria.

    Em seguida vieramo comércio, os edifícios comerciais para finalmente chegarem aos edifícios residenciais e às residências propriamente ditas.

    A domótica surgiu para controlar a iluminação, as condições climáticas, a segurança e fazer a interligação entre os três elementos.

    Hoje, o controle da luz pode ser feito à distância, com um toque na tela do telefone ou ainda automaticamente com a programação de um sistema inteligente.

    Segurança de Dados e Redes

    As automações residenciais juntamente com todos os avanços tecnológicos vieram sim para ajudar, mas ao mesmo tempo em que ajuda pode causar grandes transtornos se não bem administrados.

    Com a tecnologia tudo ficou móvel nos dias de hoje e tudo é facilmente controlado de qualquer lugar bastando apenas ter um sistema e um acesso com usuário e senha.

    Grande parte desses dados podem ser roubados se o sistema de automação da sua casa, por exemplo, estiver em nuvem.

    A facilidade de acessar tudo remotamente sem cabos interligados ao mesmo abre portas perigosas e aumenta a vulnerabilidade de acessos e dados importantes que se forem acessados por pessoas mal intencionadas pordem causar um grande estrago.

    Já imaginou se algum hacker invade o sistema de automação de uma empresa e tem acesso a abrir todas as portas da empresa? Acesso a sistema de um banco por exemplo.

    Hoje em dia os cofres são todos automatizados e abre com usuário, senha bastante apenas o acesso.

    Um ladrão de banco não precisa mais quebrar ou arrombar para entrar em algum cofre de banco, basta apenas invadir os sistema de automação de segurança, desativar as câmeras de vigilância, abrir o cofre e roubar tudo que está lá sem nem se preocupar se alarme vai tocar.

    Outra situação é se algum hacker invada o sistema de segurança da sua casa ou consiga acesso remoto de alguma forma.

    Ele pode alterar todas as senhas que você usa para abrir as portas da sua casa, alterar a senha do seu sistema de segurança, roubar todos seus equipamentos.

    Bens pessoais sem que você nem se dê conta. Já imaginou se você perdesse seu celular com o controle de todas as funções da sua casa no bolso de outra pessoa?

    E se essa pessoa souber onde você mora e roubar você propositalmente para ter acesso a todo esse sistema? Já imaginou o tamanho do dano que poderia ser causado?

    Claro que nos dias de hoje esses sistemas de automação já tem todo um sistema de confiabilidade e segurança contra invasões e a grande maioria oferece garantias em caso de problemas como esses, mas e se seu celular for clonado?

    Outra pessoa ter acesso a todos os seus aplicativos, inclusive o aplicativo que controla a automação da sua casa inteligente?

    Enfim, a comodidade é fantástica. Mas até que ponto isso é realmente confiável?

    Ainda mais sem falar que hora ou outra vemos nos noticiários que a NASA ou o governo americano tiveram seus sistemas invadidos e milhões de dados foram roubados?

    A outra noticia mais recente que foi a invasão a roubo de dados de milhões de usuários do Facebook?

    Diante de tanta tecnologia e tanta inovação estamos trazendo junto o aumento exorbitante a vulnerabilidade de um smartphone, por exemplo.

    Hoje me dia controlamos toda nossa vida pessoal e profissional do celular, nos tornamos dependentes e confiamos 100% em nossos queridos aparelhos, mas você sabia que qualquer hacker pode invadir seu celular tento acesso a internet?

    Pode roubar contatos, fotos, dados e senhas de aplicativos e muitas outras coisas que podem acabar com sua vida social e pessoal em questão de segundos.

    Isso por que a informação navega com extrema velocidade nos dias de hoje e tudo acontece muito rápido.

    A automação residencial veio para ajudar no nosso cotidiano, e não para atrapalhar, mas temos que ser cautelosos e sempre pensar que todo beneficio.

    Qualquer coisa que facilite nossa vida ao mesmo vem junto com um possível grande problema se não for bem administrado.

    Projetos de Automação Residencial

    Enfim chegamos à era digital.

    Tudo é possível quando o assunto é automação residencial e tecnologia.

    E junto com essa nova tendência de automação quem não tem vontade de automatizar vários sistemas dentro de casa?

    Graças a bendita da evolução da internet nos dias de hoje podemos encontrar no mercado diversos produtos de automação residencial.

    Produtos como home theaters, caixas de som, televisores inteligentes smart, lâmpadas que podem ser conectadas ao seu sistema wireless e muito mais!

    Mas se você está pensando em montar um projeto de automação residencial mas não tem ideia por onde começar vamos ajudar você nesse missão.

    Antes de começarmos vamos explicar algumas coisas importantes para quem não entende nada de automação de residências.

    Existem muitos projetos de automação simples no mercado e cada um deles tem suas limitações.

    Alguns sistemas poderão automatizar qualquer parte da sua casa.

    Tudo que esse sistema precisa para funcionar é ser ligado a uma central de automação geral da casa.

    Projeto de Automação Residencial: Integração de Dispositivos.

    Antes da chegada da internet já existiam alguns projetos de automação em residências de luxo ou bem antigas.

    Esses projetos eram bem trabalhosos, pois demandavam fazer todo cabeamento e integração dos sistemas de casa pelo sistema elétrico.

     As empresas de automação residencial precisavam praticamente fazer uma reforma geral em todo sistema elétrico da residência.

    Sem falar em toda reforma na estrutura para suportar a carga energética do novo sistema.

    Essa reforma é necessária justamente por que o consumo de energia é bem maior, uma vez que todos os dispositivos estarão ligados diretamente na rede elétrica da casa.

    Digamos que processo de implantação do projeto de automação era bem demorado devido a toda essa mudança drástica na estrutura de toda casa, e principalmente no sistema elétrico.

    Projeto de Automação Residencial: Integração Wireless.

    Mas se você está lendo esse artigo agora não precisa se preocupar tanto com essas reformas.

    Hoje me dia temos as maravilhosas rede wi-fi que conseguem conectar quase todos os dispositivos de nossa casa se conectados a um sistema central de automação.

    Uma das grandes vantagens das redes wireless é que toda reforma de cabeamento e mudança no sistema elétrico será bem menor do que era feitos nos projetos de automação residencial de antigamente.

    Os sistemas modernos de automação são ligados direto na rede wireless.

    Esses sistemas são ligados a alguma rede de computadores dentro da casa.

    Mas existem empresas de automação que conseguem gerenciar todo sistema do cliente usando um  aplicativo que é instalado direto no celular do usuário ou em um tablet de controle central do sistema de automação.

    Como Configurar Sua Rede Wireless.

    Se você não entende nada sobre automação residencial tenha em mente que a qualidade e rapidez de funcionamento do sistema estão diretamente relacionadas à qualidade de sinal da sua internet.

    Quando dizemos qualidade não estamos falando de ter uma internet super-rápida com 120 Megas de velocidade.

    Entenda uma coisa extremamente importante.

    De nada adianta ter 120 Megas de velocidade se a disposição e localização do roteador wi-fi central estiver ruim.

    Um projeto de automação vai precisar 100% do funcionamento correto da sua internet.

    Se seu sinal de internet for fraco tenha em mente que todo sistema de automação ficará comprometido.

    A dica principal não é ter uma mega velocidade.

    A principal e mais importante dica é ter um sinal estável e bem distribuído.

    Digamos que você pode contratar até uma internet de 30 Megas.

    Essa velocidade é mais do que suficiente para o seu projeto de automação funcionar de forma estável.

    O ponto crítico mais importante será a capacidade e localização do seu roteador.

    Qual o Melhor Roteador Para Automação?

    Nem pense que um roteador simples que custa R$ 100,00 vai suportar seu projeto de automação.

    Seu roteador deve ser bom e com um alcance que possa garantir sinal em toda sua casa.

    A regra aqui é simples.

    Quanto maior a rede de cobertura do sinal do seu roteador melhor.

    Um roteador que recomendamos para seu projeto de automação residencial são os roteadores da ASUS.

    Vale a pena conferir e investir em um bom roteador antes mesmo de contratar uma empresa de automação para montar seu projeto.

    Qual a Melhor Localização Para o Roteador?

    A melhor localização para um roteador é sempre no lugar mais alto da casa.

    Além de ser alto deve ser central.

    Uma vez que o roteador estiver em uma localização central e em um local alto o sinal será distribuído com mais eficiência e estabilidade.

    Sistemas de Que Podem Ser Automatizados

    Hoje em dia graças aos avanços da tecnologia 95% dos produtos eletroeletrônicos tem conexão wireless.

    Ou seja, podem ser conectados a sua rede de internet e controlados por um dispositivo externo.

    Esse dispositivo pode ser seu celular mesmo ou um controle central de automação que está conectado ao sua rede central.

    Alguns dos principais sistemas que podem ser automatizados na sua casa são:

    • Sistema de Segurança;
    • Iluminação;
    • Sistema de Climatização;
    • Sistema de água;
    • Sistema de Cortinas;
    • Sistema de irrigação;
    • Sistema de Home Theater

    Acima citamos somente alguns dos sistemas que podemos automatizar.

    Mas para seu projeto de automação residencial o céu é o limite.

    Não existem barreiras do que pode ser automatizado.

    Tudo que é necessário é estar conectado a sua rede wireless.

    O resto o dispositivo central de controle da automação fará todo trabalho por você.

    Automação Residencial: Sistema de Iluminação e Entretenimento.

    Se você está começando agora seu projeto de automação esses são os dois sistemas mais simples para começar.

    A grande maioria dos sistemas de iluminação pode funcionar através de um sensor de presença.

    Mas você pode também pode controlar seu sistema de iluminação ajustando um tempo de ligar/desligar.

    Uma vez conectada ao seu projeto de automação residencial suas lâmpadas podem ser controladas diretamente pelo seu celular ou pelo controle central geral.

    Você ajusta quando deve ligar e quando deve desligar.

    O ideal mesmo é ajustar sensores de presença.

    Dessa forma você não precisa ficar ligando e desligando toda vez que entrar ou sair de um ambiente.

    Você pode também automatizar a hora que as luzes do seu jardim vão ficar acesas e a hora que devem desligar.

    Ajustes também nas luzes da entrada da sua casa, da garagem, da piscina e outros.

    Tudo isso pode ser programado para ligar e desligar sozinho.

     Outra coisa bem bacana é que por meio do mesmo aplicativo de automação que você controla suas lâmpadas você pode também controlar a intensidade e cores.

    Assim você pode moldar sua sala ou seu cômodo da forma que mais gostar.

    Sistema de Entretenimento: Home Theater

    Essa é uma das melhores partes do seu projeto de automação.

    Uma vez conectados a rede wireless da sua casa muitos dispositivos de comunicação funcionam sem maiores dificuldades.

    Basta apenas conexão com a sua rede wi-fi e a sincronização dos dispositivos.

    Esses dispositivos podem ser celulares, tablets, computadores, etc.

    Nos dias de hoje quase tudo é controlado pelo celular.

    Nem precisamos explicar do por que né?

    Uma vez que não largamos nosso celular nem para ir ao banheiro.

    No seu projeto de automação você pode conectar televisores smart, caixas de som, DVD, Blu Ray e qualquer outro dispositivo que seja compatível com seu sistema de home theater.

    Enfim, são ilimitadas as ideias para projetos de automação industrial.

    Tudo vai da sua vontade de aprender ou da grana que você tem para investir em um empreendimento como esse.

    Projeto de Automação: Preço

    Para começar seu projeto dê atenção para dois itens principais.

    • A qualidade de sinal e localização do seu roteador.
    • Se você não entende muito do assunto comece pelo básico contratando uma empresa de automação residencial para automatizar seu sistema de iluminação e de entretenimento.

    Você vai gastar bem menos, dessa forma vá com calma.

    Um projeto de automação residencial não é tão barato assim.

    Você pode até tentar procurar na internet projetos com arduino.

    Mas será necessário estudar um pouco vários artigos de projetos de automação em pdf para conseguir montar seu primeiro sistemas.

    Você pode até tentar aprender a fazer você mesmo a automatização na sua casa.

    Mas é bem trabalhoso e muita vez pode dar problemas.

    A melhor coisa mesmo é contratar e fazer um orçamento com uma empresa de automação residencial.

    Dessa forma você fica mais seguro e tem garantia e suporte por todos os produtos e pela mão de obra envolvida.

    Se quiser veja abaixo alguns projetos de automação que a Avantime já fez!

    Fonte

    Sistema de Automação Residencial

    Criar um sistema de automação residencial nem sempre é uma tarefa fácil e simples e requer muita experiência em hardware, software e elétrica.

    Sem falar que o custo de um sistema de casa inteligente nem sempre é um investimento barato, mas a longo prazo pode mudar completamente seu estilo de vida devido aos grandes benefícios trazidos junto com o sistema.

    Se precisar de ajuda com isso entre em contato com a equipe da Avantime agora mesmo que poderemos lhe dar muitas dicas e fazer um orçamento completo para você sem compromisso!

    Mas se você é daqueles que não possui um capital financeiro bem estruturado para investir um uma instalação de um sistema de automação residencial você pode começar automatizando funções simples como a iluminação. Começar por um único ambiente é uma dica para não investir demais de uma vez só e a ter algo barato. Também sugerimos soluções sem fio, que muitas vezes não demandam sequer ajustes de infraestrutura do seu imóvel atual.

    Vamos começar pelos sistemas de iluminação que podem operar através de um controlador de dimers ou serem controlados via wifi conectados na mesma rede pelo seu celular smartphone para ligar, desligar, dimerizar, criar cenas, etc.

    Vamos supor que estamos deitados na nossa cama quase dormindo e estamos morrendo de preguiça de levantar e desligar a luz da cozinha.

    Se tiver um sistema automatizado de iluminação conectado no celular basta apenas acessar o aplicativo do fabricante da lâmpada e desligar a luz, ou melhor ainda! Que tal apenas dizer : "APAGAR LUZ" sem nem precisar levantar o braço para pegar o celular?

    Fica mais confortável ainda né? O sistema por voz pode fazer isso e nós da Avantime podemos instalar esse sistema na sua casa!

    Outra grande vantagem dessas lâmpadas controladas via aplicativo é que podemos aumentar e diminuir a intensidade da luz, o que pode nos ajudar a economizar uma boa cota do nosso custo de energia elétrica.

    Sem falar do luxo e do conforto de estar na sua sala e deixar aquela luz bem baixinha para ver um filme, até dá a impressão que estamos em uma sala de cinema.

    Depois de ter instalado na sua casa o sistema de iluminação, de gestão de energia e água você pode também mexer no sistema de entretenimento.

    Home theaters, computadores e caixas de som.

    Uma vantagem bem interessante em investir em um sistema de multiroom de áudio e de vídeo que já está conectado ao sistema de automação da sua casa é poder distribuir músicas e vídeos a partir de uma central de controle geral para todos os cômodos da sua casa.

    Além de poder controlar o som e imagem dentro de cada cômodo da maneira que achar melhor, cada quarto pode ter uma intensidade de som e iluminação diferente de acordo com o gosto do usuário.

    Tudo isso controlado por uma central geral ou de um dispositivo móvel como tablet ou celular que esteja conectado na rede wireless da casa.

    Até aqui você esta percebendo que instalar por conta um sistema de automação residencial não é tão fácil assim como parece seu nos tutoriais e vídeos que você está procurando aprender no Google ou no Youtube.

    Você até pode aprender alguma coisa mas lembre-se que existem vários fatores técnicos que devem ser checados antes mesmo de você começar a colocar a mão na massa.

    A compatibilidade dos dispositivos é de vital importância, ou seja, se realmente todos os equipamentos que você está comprando ou vai comprar conseguem se conectar e conversarem entre si.

    Essa é a primeira e mais importante etapa. Nossa sincera recomendação é contratar um profissional para automatizar, pelo menos assim você terá garantias que o serviço realmente será executado de maneira correta.

    Sem falar que para criar um sistema de automação dentro da sua casa você precisa ter conhecimentos em elétrica, instalação de cabos, sensores e outros implementos cruciais para garantir o funcionamento perfeito do seu sistema de automação.

    Você até pode economizar algum dinheiro fazendo sozinho e seguindo as dicas que você encontrou no Youtube mas e se der algum problema durante o processo de instalação do sistema de automação? E aí?

    Para evitar problemas no futuro entre em contato com a equipe técnica da Avantime, aqui todos as marcas e produtos que trabalhamos são testadas e validadas por nós mesmos antes mesmo de sair para instalar na casa do nosso cliente.

    Lembre-se soluções simples, que se faz sozinho, são as primeiras a dar problema...

    Se ainda sim depois de todas essas dicas e sugestões você mesmo quiser instalar e criar seu sistema de automação residencial não tem problema algum, mas vamos deixar aqui uma última dica extremamente importante.

    Se você for colocar um sistema wireless não economize na qualidade e alcance de sinal do dispositivo, ou seja você vai precisar ter um roteador muito bom e que consiga espalhar o sinal em todos os cômodos da casa.

    Por que se não houver sinal seu sistema de automação não vai funcionar direito e você somente terá gastado dinheiro.

    Além do sinal o local onde estará posicionado o roteador também é de vital importância para que todos os cômodos da casa recebam a mesma intensidade de sinal.

    A dica aqui é tentar centralizar onde o roteador vai ficar, ou seja, colocar o aparelho em um local no centro da casa e de preferência em um local alto e longe de outros equipamentos eletrônicos para melhor qualidade do sinal. Essas duas dicas ajudam e muito!

    Mas ainda sim a melhor coisa é contratar uma empresa de consultoria para montar o projeto e fazer a instalação para você.

    Vai custar um pouco mais caro? Sim vai, mas pelo menos você ficará tranquilo e terá tudo funcionando corretamente, e se der algum problema quase todas as empresas de instalação de sistemas para casa inteligente tem um suporte técnico que com certeza poderá te atender e resolver seu problema.

    Tenham uma coisa muito importante em mente, o grande intuito de transformar um casa normal em uma casa inteligente é simplesmente otimizar funções mecânicas que realizamos todos os dias a quase todo momento e que nos tomam tempo e gastando nossa energia.

    Por exemplo controlar o abre e fecha da sua cortina, ou então acender somente algumas luzes dentro da sua casa apertando apenas um botão e até irrigar nosso jardim de forma automática apenas solicitando ao sistema que regue as plantas com os irrigadores de jardim durante alguns minutos e depois pararem.

    Todas essas funções podem ser criadas e programas se você tiver um sistema de automação bem instalado na sua casa e pode te poupar muito tempo de descanso.

    Já imaginou chegar em casa do trabalho e apenas apertando um único botão você acende apenas as luzes dos ambientes que mais frequenta.

    Ao mesmo tempo aciona uma música de fundo bem agradável e já liga o climatizador ou ar condicionado na temperatura que mais te agrada?

    Tudo isso pode ser programado! Agora imagina chegar em casa e precisar acender somente algumas luzes da casa, ligar o som, escolher a música, depois...procurar o controle do ar condicionado, ligar o ar, ajustar a temperatura...ufa!

    Só de ler já fica cansativo né?

    Automação Residencial : Projetos

    Vamos agora mostrar quais sistemas que temos em nossa casa podem ser automatizados tudo em uma única central de controle, ou até mesmo controlar toda nossa casa usando um simples aplicativo instalado em nosso celular.

    Sistemas de segurança

    A preocupação com roubos, assaltos e principalmente com a segurança de nossos familiares se tornou uma questão primordial nos dias hoje.

    Antes era apenas mais um luxo ter um sistema de segurança para proteger contra intrusos indesejados.

    Nos dias de hoje se tornou um quesito de paz diante de toda violência e falta de segurança que temos no Brasil.

    Dessa forma muitas pessoas que já possuem um sistema de automação residencial estão optando por agregar à rede geral a função de controle total da segurança das suas residências.

    Uma vez que o sistema de segurança é alinhado com o sistema de automação da casa ele se torna praticamente uma inteligência artificial para sua casa.

    isso por que a grande maioria dos atuais sistemas tem a função de reconhecimento de voz, de biometria e alguns até mesmo compilam tantos dados que aprendem os hábitos que cada morador da casa.

    Essas características individuais são automaticamente medidas segurança de acordo com o comportamento de cada individuo que mora na residência, isso tudo para garantir que nada irá acontecer.

    Uma situação cotidiana é quando temos, por exemplo, um idoso ou deficiente como membro da família ou que moram na residência.

    Um idoso irá andar mais devagar até abrir a porta, muitas vezes esquece-se de fechar a porta da garagem depois de guardar o carro, e até mesmo esquecem-se de trancar as portas e janelas da casa.

    Um sistema de segurança inteligente tem a capacidade de identificar esse idoso e depois de entrarem em casa, por exemplo, o próprio sistema já verifica se a porta da garagem está realmente fechada.

    Se as fechaduras de todas as portas cada casa estão mesmo trancadas e caso não estejam o próprio sistema já se encarrega de trancar tudo garantindo assim segurança para o idoso e para todas as pessoas que vivem naquela casa ou apartamento.

    Como última grande vantagem é que outra pessoa pode monitorar tudo que acontece na casa remotamente via celular ou tablet de qualquer lugar do mundo se tiver qualquer tipo de conexão à internet, seja 3G/4G ou via Wireless.

    Ainda pegando esse mesmo exemplo do idoso.

    Vamos supor que esse idoso seja sua mãe que já tem certa idade e você vai precisar fazer uma viagem de trabalho e ficar fora da cidade por alguns dias.

    Você pode monitorar todas as atividades que sua mãe fizer enquanto estiver em casa e muitas vezes até ajudar caso ela se esqueça de fazer alguma coisa, ou o sistema de segurança não execute automaticamente.

    Você terá acesso a todas as câmeras da residência e poderá acompanhar tudo que acontece em tempo real em qualquer cômodo da casa com toda praticidade e mobilidade da tela do seu celular ou tablet sem estar em casa fisicamente.

    Com a integração dos sistemas de automação já é possível identificar quem gasta mais água que o outro e cobrar por esse consumo de forma justa para cada apartamento.

    Sistemas de Entretenimento

    Como uma das grandes vantagens de um sistema de automação residencial na sua casa é também a parte de entretenimento, ou seja, a integração de todos os sistemas de áudio e vídeo de todos os ambientes e cômodos.

    Dizemos que essa área é de extrema importância devido ao fato de estar diretamente relacionado com o cotidiano das pessoas.

    Quer um exemplo?

    Qual uma das primeiras coisas que você faz assim que chega do trabalho na sua casa ou apartamento?

    Ligar sua televisão, certo?

    Isso se não for realmente à primeira coisa que fazemos quando chegamos a casa, isso tudo por que nos acostumamos a nunca ter silêncio em casa e a televisão, filmes e outros programas de entretenimento passaram a fazer parte do nosso dia, principalmente para pessoas que moram sozinhas.

    Mas o ser humano já tem programado na sua mente que assim que chegar a casa a primeira coisa que ele precisa fazer é ligar a televisão, mesmo que não vá assistir nada, simplesmente para ouvir alguma coisa e acabar com o silêncio do ambiente em que estiver. Seja na sala principal, no quarto, onde você dorme ou até mesmo na sala de vídeo.

    Desde sua criação a televisão tem o poder incrível de prender a atenção do seu usuário a partir do momento em que o aparelho é ligado.

    Isso acontece por que o nível de interação é bem flexível e a pessoa pode sintonizar no que ela quiser.

    Seja em um desenho, em um programa esportivo, em um programa informativo como um jornal de noticias ou até mesmo algum documentário.

    Em resumo a TV se adapta ao perfil do usuário mostrando somente as coisas que ele mais gosta.

    É a mesma coisa que ter um melhor amigo que só fala às coisas que gostamos ou faz tudo para nos agradar, isso por que ele sabe tudo sobre nós.

    Agora imagine esse amigo com você por quantas horas você quiser somente mostrando programas que você gosta...

    Esse é o motivo que a televisão é o aparelho mais usado em qualquer residência, simplesmente por que é extremamente interativo e passa a ser uma companhia para as pessoas.

    Com a implantação de um projeto ou sistema de automação residencial é possível você conectar automaticamente seu home theater com seu DVD, com suas caixas de som, com a sua internet wireless.

    Você pode conectar até mesmo com qualquer aparelho que estiver conectado na mesma rede de Wifi.

    Alem de assistir os programas normais da sua televisão a cabo você pode também conectar com seu DVD e assistir um filme, ou até mesmo estar vendo um vídeo no Youtube do seu celular e ter a possibilidade de transmitir esse mesmo vídeo na sua televisão com apenas alguns toques no celular sem precisar sair do seu sofá para ligar nada.

    E se por algum acaso você quiser diminuir a intensidade da iluminação na sua sala de vídeo basta abrir o aplicativo do seu sistema de automação residencial e acessar o controle de iluminação para reduzir a luz, e quer saber do melhor?

    Você ainda sim não vai precisar sair do sofá para fazer isso.

    Tudo isso pode ser conectado em um único controle de acesso geral, como um tablet, ou pode também ser controlado via celular que é o mais comum.

    A grande maioria dos sistemas de automação está optando por criar um aplicativo para ser instalado no celular do usuário, desta forma várias pessoas da casa podem ter acesso ao sistema, e ajustar as características do ambiente conforme suas vontades sem precisar ficar procurando toda hora o controle de automação geral.

    Convenhamos né? Nos dias de hoje não vamos nem ao banheiro sem levar nosso celular junto.

    Praticamente virou um acessório pessoal de valor inestimável, e por que não integrar toda a automação residencial da nossa casa com nosso celular? Fica bem mais fácil de resolver as coisas durante nosso dia.

    Consumo e Gerenciamento de Energia

    A automação de nossa casa também tem seus pontos negativos, e o principal deles é o grande consumo e gasto de energia elétrica que todo sistema utiliza para gerenciar todas as atividades que acontecem na casa.

    Porem tem um grande ponto positivo em tudo isso.

    Primeiramente é necessário que toda rede elétrica esteja conectada ao sistema de automação, ou seja, eletrodomésticos que gastam muita energia assim como o chuveiro, a geladeira, iluminação, máquinas de lavar, televisores, ar condicionado e etc.

    Depois de conectados a rede elétrica pode gerenciar o consumo de energia desses aparelhos.

    Quando dizemos gerenciar o consumo de energia estamos nos referindo a, por exemplo, desligar automaticamente o compressor da geladeira quando a mesma estiver em temperatura adequada ou desligar o ar condicionado da casa após determinado horário da noite quando não há necessidade de estar ligado.

    Desligar aparelhos como home theater, DVD, computadores em modo de espera e muitas outras funções que podemos programar para serem feitas de forma automática sem que precisemos nos preocupar.

    Outro vilão que consome demais nossa energia é o chuveiro elétrico e com um sistema de automação podemos adaptar nosso chuveiro para ligar e desligar depois de um tempo de banho.

    Quer um exemplo do quão útil isso seria? Vamos supor que sua esposa sempre tome banhos demorados de trinta e quarenta minutos. Convenhamos né? É muito tempo de banho, por mais que precise lavar o cabelo e tudo mais.

    Com um sistema de automação instalado você pode controlar o tempo de banho, a temperatura da água e até mesmo colocar um sensor de presença embaixo do chuveiro para que ele desligue automaticamente quando a pessoa não estiver embaixo da água.

    Quando a pessoa estiver se ensaboando ou lavando a cabeça o sistema ficará desligado e quando a pessoa colocar a cabeça ou o corpo embaixo do chuveiro ele irá ligar normalmente. Esse sistema será extremamente econômico tanto na questão do uso da água como principalmente vai influenciar diretamente na sua conta de energia elétrica.

    Como ultimo exemplo e não menos importante podemos ajustar um sistema elétrico independente para o nosso sistema de segurança de nossa residência, dessa forma se algum intruso ou ladrão tentar entrar ou roubar sua casa ele não vai conseguir.

    O próprio sistema de automação irá puxar a energia de um sistema auxiliar.

    Dessa forma por mais que os ladrões cortem toda a luz da sua casa pensando que conseguiram desativar o sistema de alarme eles não vão conseguir, e correm um grande risco de serem pegos pelas câmeras de segurança ou outros sensores que estarão espalhados por toda a residência.

    Iluminação Geral

    A iluminação do ambiente pode ser toda integrada ou via controle remoto ou via celular o que permite definir em cada ambiente qual será a intensidade da luz.

    Por exemplo, na sala de filme a iluminação pode ser bem baixa ou mesmo desligada e somente pode ser acionada quando uma pessoa entrar no ambiente.

    Como já explicamos acima isso pode ser feito via sistema de sensor logo na entrada do cômodo.

    Podemos também programar para aumentar a intensidade das luzes após o termino de um filme, da mesma forma que acontece nos cinemas.

    Essas mudanças de intensidade da iluminação agregam luxo e conforto ao ambiente, sem falar que aumentam a beleza de todos os móveis e aparelhos eletroeletrônicos que tem na sua sala de filme.

    Mas da mesma forma que podemos programar uma luz bem baixa nossa sala de vídeo nós podemos fazer a mesma coisa na nossa cozinha.

    Onde sempre precisamos de mais luz para cozinhar e realizar outras tarefas.

    Em resumo o sistema de automação da iluminação de todos os cômodos da sua pode ser ajustado da forma que quiser

    Todas as luzes podem ser programadas para ligar e desligar de acordo com uma simples programação que você executar no controle geral do sistema de automação.

    Por fim, se quiser também pode programar para acender ou apagar as luzes de acordo com a luz ambiente ou externa que entra das janelas da sua casa, assim quando começar a escurecer as luzes das sua casa irão acender automaticamente.

    Controle de som ambiente

    Como sempre deixamos bem claro, um projeto de automação residencial sempre aumenta em, mas 300% todo luxo e conforto da sua casa.

    Já imaginou poder ajustar o estilo de música, volume, ajustes de qualidade de áudio e muitas outras funções de cada dormitório ou ambiente da sua casa?

    Um estilo de música para sua cozinha, outro estilo mais tranquilo para sua sala de estar, outro estilo de relaxamento para seu quarto quando você estiver indo se deitar para dormir, etc.

    Enfim, com a automação do som é possível escolher um estilo de música mais adequado para cada ambiente da sua casa e tudo isso em um único controle de automação.

    Se preferir pode também colocar um controle para cada ambiente, e esse controle normalmente fica fixado na parede, logo na entrada do cômodo.

    Mesmo assim fica bem mais em conta você ajustar tudo isso via celular mesmo, se seu sistema de automação residencial tiver essa opção, o que a grande maioria nos dia de hoje tem.

    Fica mais fácil controlar o que cada ambiente vai ouvir do conforto do seu celular independente de qual lugar da sua casa você esteja.

    Já imaginou se você tem um filho pequeno em casa, de mais ou menos uns três anos e ele acorda no meio da noite bem na hora que você está com visitas.

    Até mesmo não está em casa, mas graças ao seu sistema de automação você pode também controlar todas as câmeras da sua casa.

    Quando você é alertado que ele está chorando ou está inquieto você pode do seu celular mesmo, onde quer que você esteja colocar a musica da galinha pintadinha, por exemplo.

    Dessa forma você acalma seu filho e ainda sim ganha tempo para chegar a casa e ver de perto o motivo pelo qual ele está chorando.

    Controle de climatização

    Mais uma grande vantagem de ter um sistema de automação na casa.

    Que tal todos doze meses do ano terem uma temperatura agradável?

    Ou se você gostar mais do calor pode programar para ser verão o ano todo dentro da sua casa.

    Essa é a grande vantagem de ter um sistema de climatização alinhado com seu sistema de automação residencial, você escolhe a temperatura da sua casa.

    O mais interessante é que alguns sistemas permitem o controle de temperatura por cômodos, ou seja, cada cômodo ou quarto pode ter uma temperatura, dessa forma as pessoas que gostam mais frio podem deixar o ar condicionado mais frio, e as pessoas que gostam de calor podem deixar o ar condicionado mais quente.

    Essa é a grande diferença em ter um sistema de climatização comum e ter um sistema de climatização funcionando junto com seu projeto de automação.

    No sistema de climatização comum você apenas estabelece uma temperatura geral para todos os cômodos da sua casa ou apartamento.

    Já com o sistema de automação unificado com o ar condicionado você pode controlar a temperatura de todos os ambientes da sua casa via celular ou tablet.

    Isso tudo sem falar nas diversas programações automáticas que podemos fazer para economizar ao máximo o consumo de energia sem atrapalhar o conforto dos moradores da casa.

    Como último recurso na unificação do sistema de climatização com o de automação da sua casa seria a vantagem do próprio sistema de informar.

    Lembrar-se dos períodos de manutenção preventiva desses equipamentos, uma vez que todos precisam de manutenções gerais como troca de filtros de ar, limpeza de serpentinas que trocam calor com o ambiente para climatizar, manutenção de peças e sensores de pressão e de temperatura, etc.